Skip to content

Devocional: “Rejeitando O Mal”

maio 26 2012

Texto de  Paulo Roberto Barbosa.

“Deixa a ira, e abandona o furor; não te indignes de forma alguma para fazer o mal” (Salmos 37:8).

Uma velha senhora, religiosa, porém, muito mal-humorada, ficou muito aborrecida porque seus vizinhos se esqueceram de convidá-la para um piquenique que fariam no domingo seguinte. Na manhã em que o evento aconteceria, eles perceberam o esquecimento e enviaram um menino para convidá-la a vir com eles. “Agora é tarde”, ela disse rispidamente. “Eu tenho orado para chover.” 

Até que ponto nós, cristãos, temos mostrado atitude semelhante ao da senhora de nossa história? Até que ponto temos nos irado por coisas que as pessoas fazem, muitas vezes, sem a intenção de fazê-lo? Temos deixado o nosso mau-humor ofuscar o brilho que deveria ser a nossa principal característica? Temos dado lugar ao diabo, em vez de demonstrar o amor que o Senhor nos ensinou?

“Eu não vou mais à igreja! O pastor não me atendeu no dia em que o procurei”; “Eu não vou participar mais do louvor! Cumprimentei o baterista e ele não retribuiu à minha saudação”. “Não contem comigo no evangelismo! Ninguém valoriza o que faço”… e seguem-se outras lamúrias, murmurações, queixas. E, além de não participar, ainda fica ansiando que tudo dê errado e que os eventos sejam um fiasco.

O verdadeiro filho de Deus não age dessa maneira. Ele tem amor no coração e esse amor move todas as suas atitudes. Ele entende quando o pastor não pode lhe falar, e ora para que ele possa cumprir todos os seus compromissos. Ele ama aos irmãos e sabe que, quando não o cumprimentaram, foi porque estavam distraídos e nem notaram quando lhes falou. Ele vê o lado bom de todos e os defeitos são ignorados completamente. 

O cristão autêntico jamais deseja o mal do seu próximo, e muito menos dos irmãos. E mesmo quando é ofendido, não revida e ainda ora para que Deus abençoe o ofensor. De que adiantaria agir da mesma forma? Que diferença mostraria aos que não têm Deus no coração? Ele sempre coloca o Senhor em primeiro lugar e, suas atitudes, sempre procuram glorificar o nome de Jesus.

O que você costuma desejar a seu próximo, o bem ou o mal?

Paulo Roberto Barbosa

Por Paulo Roberto Barbosa

Com um ministério motivacional e de aconselhamento, o pastor deficiente visual Paulo Roberto Barbosa escreve textos que nos ensinam a refletir sobre a vida e o caminhar com Cristo. As postagens acima estão disponíveis no site do pastor.

Leia também as postagens abaixo!