Skip to content

“Batismo com fogo” – Pastor Marcos Lino

ago 04 2019

040819

Culto ministrado pelo pastor Marcos Lino, em 04 de agosto de 2019.

Batismo no fogo

Texto Base: Mateus 3:11

11 Eu os batizo com água para mostrar que vocês se arrependeram dos seus pecados, mas aquele que virá depois de mim os batizará com o Espírito Santo e fogo.

Introdução:

1-João em sua passagem na terra dos viventes foi um homem muito usado por Deus para preparar a chegada do ministério da Graça. Pregou arrependimento aos pecadores e em sua pregação dizia, Jesus é o melhor e o maior Deus pra humanidade. Disse eu os batizei para o arrependimento, mas Jesus o filho de Deus virá com o batismo do ESPÍRITO SANTO E COM FOGO.

O grande pregador Edwin Orr, certa vez, pregava à uma grande multidão. Para espanto dos presentes, chamou um pastor que batizava com imersão e outro que usava a aspersão antes que o constrangimento se instalasse, ele disse: Não importa a quantidade de água. A água só lava o interior. É preciso receber o batismo com fogo, porque o fogo queima e purifica o interior. Terminada essas palavras, ele voltou-se para a multidão e disse:

E vocês já foram batizados com fogo?

2.Deus sempre se revelou através do fogo

Ele selou sua aliança com Abraão no meio do fogo. 

(Gênesis 15:1-20).

Ele revelou-se a Moisés através do fogo. 

(Êxodo 3:1-15).

Ele conduziu o povo pelo deserto por uma coluna de fogo.

(Êxodo 13:20-22) 

O fogo do altar não podia apagar-se.

(Levíticos 6:12-13)

 Quando Moisés e Arão saíram da tenda pra abençoar o povo, o Senhor respondeu com fogo.

(Levítico 9:23-24)

Quando o povo chegou ao monte Sinai, ele fumegava pois o Senhor havia descido sobre ele como chamas de fogo.

(Êxodo 19:17-19)

Elias foi levado para o céu numa carruagem de fogo. 

(2 Reis 2:11)

Deus é fogo. O trono é fogo. Sua Palavra é fogo. Ele faz dos seus ministros labaredas de fogo. 

(Hebreus 1:7)

Jesus batiza com fogo. O Espírito Santo desceu sobre a igreja em labaredas como de fogo. Nós precisamos desse batismo de fogo.

3.Jesus falou-nos de vida abundante.

Deus promete-nos a suprema grandeza do seu poder. A Bíblia fala de sermos tomados de toda a plenitude de Deus. Não basta falar de poder. Precisamos ser possuídos por esse poder. O Reino de Deus consiste não de palavras, mas de poder. O Espírito que recebemos é espírito de poder.

4.Quais são as implicações do batismo com fogo

O FOGO ILUMINA

1.Aquele que é batizado com fogo anda na luz  

(Jo 8:12 ) Jesus disse: “Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará nas trevas, pelo contrário, terá a luz da vida”. 

Viver em trevas é estar longe de Jesus. Aquele que vive longe de Jesus é como Pedro na noite de traição, envolve-se nas trevas, caminha nas trevas, segue a Jesus de longe e nega a Jesus.

Quem é batizado com fogo não vive se escondendo atrás de máscaras; ao contrário, vive vida limpa, pura, santa.

2.Aquele que é batizado com fogo tem comunhão com Deus  

(1 Jo 1:5-7 ) 5 A mensagem que Cristo nos deu e que anunciamos a vocês é esta: Deus é luz , e não há nele nenhuma escuridão . 6 Portanto, se dizemos que estamos unidos com Deus e ao mesmo tempo vivemos na escuridão, então estamos mentindo com palavras e ações. 7 Porém, se vivemos na luz, como Deus está na luz, então estamos unidos uns com os outros, e o sangue de Jesus, o seu Filho, nos limpa de todo pecado.

Aquele que é batizado com fogo tem prazer em Deus, deleita-se em Deus e anda face a face com Deus. Não tem mais prazer no pecado. Abomina o pecado e não apenas suas consequências. Quem é batizado com fogo tem fome de Deus, tem sede Deus, tem saudade de Deus, tem pressa para estar a sós com Deus.

É impossível ter comunhão com Deus e andar nas trevas. É impossível andar com Deus e andar em pecado ao mesmo tempo. Quem acaricia o pecado não tem intimidade com Deus.

Enquanto abrigarmos práticas pecaminosas em nossa vida, desejos lascivos no coração e alimentarmos nossos olhos com a cobiça não poderemos ser batizados com fogo.

O FOGO PURIFICA

Muitas vezes choramos e gememos em oração, pedindo: “Senhor, batiza-nos com fogo. Enche-nos do teu Espírito”, mas nada acontece. Os céus continuam fechados. É que a nossa vida ainda está entupida de pecado. Não podemos ser cheios do Espírito, se já estamos cheios de pecado. Exemplo: somos como os poços de Isaque. Tem água, água boa. Mas ela não jorra por causa do entulho dos filisteus.

A igreja precisa de purificação. Jesus disse que quem nele crer não vai ter mais sede. Mas há muitos crentes com sede de pecar. Jesus disse que quem nele cresse rios de águas vivas iriam fluir. Mas, esses rios estão sendo estancados pelo entulho do pecado.

Precisamos do batismo de fogo para purificar nossa língua, nossa mente, nossos pensamentos, nossos desejos, nossos sentimentos. Precisamos ser como os filhos de Jacó, limpar nossas mãos e tirar de nós as vestes sujas.

As vezes estamos como Naamã: somos heróis lá fora, mas na intimidade somos cheios de lepra. Perdemos a batalha na nossa vida íntima. Agasalhamos pecados na privacidade. É preciso tirar a máscara, a armadura. É preciso buscar vida limpa, chorar pelo pecado, clamar como Davi: “Sonda-me ó Deus e conhece o meu coração…”. Precisamos clamar como Josué. (Josué:3:5) Santificai-vos porque amanhã o Senhor fará maravilhas no meio de vós”.

III. O FOGO AQUECE

Hoje há um exército de crentes frios, apáticos, sem entusiasmo, sem calor. Empolgam-se com futebol, com política, com cinema, com negócios, com dinheiro, mas não com Jesus. São crentes, mas mentem. São crentes, mas são impuros. São crentes, mas são desonestos. São crentes, mas são amigos do mundo. São crentes, mas não batizados com fogo.

1.Falta fervor na igreja. Fervor na oração, fervor da adoração, fervor da evangelização. Os crentes estão como Geazi, carregam o bordão profético, mas estão frios, sem calor. (2 Reis 4:29) Os mortos não ressuscitam por meio deles. Eliseu não apenas carrega o bordão ou cajado, ele tinha poder: Ele levou o menino para o seu quarto. Ele se envolveu. Ele se identificou. Ele agonizou. O menino levantou vivo!

2.A Palavra de Deus precisa ser verdade em nossa boca como era na boca de Elias. Hoje não temos equilíbrio entre ortodoxia e ortopraxia. Uns são ortodoxos ou melhor fiéis, mas não têm poder não praticam não põe a fé em ação. Outros querem o poder, mas não são ortodoxos não são fiéis se misturam se rendem ao pecado são contaminados com o que o mundo oferece.  Muitos têm medo de irem além, mas não de ficarem aquém das Escrituras.

3.Não há limitação em Deus. Enquanto tiver vasilhas vazias o azeite não para de jorrar. 

4.Wesley dizia: Ponha fogo no seu sermão ou ponha o seu sermão no fogo.

O FOGO SE ALASTRA

1.O fogo ou propaga ou apaga. Muitos crentes não fazem nada, ficam parados. Parece que não querem que o fogo do Espírito chegue à sua vida.

2.Quando você se torna um graveto seco a pegar fogo, até lenha verde começa a arder. O que espalha as chamas do fogo é o vento. O vento e o fogo são símbolos do Espírito. O vento e fogo se uniram no Pentecoste. Aquele fogo se alastrou de maneira poderosa. Um crente incendiado, incendeia outros. Não somos chamados a ser uma geladeira a conservar nossa religião, mas sim uma fogueira a espalhar o fogo de Deus.

3.Perguntaram a Moody: Como começar um avivamento? Acenda uma fogueira no púlpito, ele respondeu.

4.Os Morávios foram incendiados por Deus e começaram uma reunião de oração que durou cem anos. Eles enviaram mais missionários para o mundo em 25 anos do que toda a igreja tinha feito até então.

5.Avivamento não emocionalismo. Não é fuga. Não é novidade. Não é desvio. Avivamento é volta para Deus. É santidade. É oração fervorosa. É amor à Palavra. É evangelização regada por lágrimas. É fogo do céu. Quando o fogo de Deus cai sobre o altar, os pecadores caem de joelho. Quando a igreja perde o fogo de Deus, os pecadores perecem no fogo do inferno.

CONCLUSÃO

A igreja que pegou fogo. E o ateu disse: “mas também é a primeira vez que essa igreja pega fogo”.

Não sei se vai ser a primeira vez sua ou da igreja eu quero arder no fogo do ESPÍRITO SANTO NÃO SÓ HOJE, MAS TODOS OS DIAS DA MINHA VIDA.

(João 14:15-28)
15“Se vocês me amam, obedecerão aos meus mandamentos. 16 E eu pedirei ao Pai, e ele dará a vocês outro Conselheiro para estar com vocês para sempre, 17 o Espírito da verdade. O mundo não pode recebê-lo, porque não o vê nem o conhece. Mas vocês o conhecem, pois ele vive com vocês e estará em vocês. 18 Não os deixarei órfãos; voltarei para vocês. 19 Dentro de pouco tempo o mundo não me verá mais; vocês, porém, me verão. Porque eu vivo, vocês também viverão. 20 Naquele dia, compreenderão que estou em meu Pai, vocês em mim, e eu em vocês. 21 Quem tem os meus mandamentos e lhes obedece, esse é o que me ama. Aquele que me ama será amado por meu Pai, e eu também o amarei e me revelarei a ele”.

22 Disse então Judas (não o Iscariotes): “Senhor, mas por que te revelarás a nós e não ao mundo?”

23 Respondeu Jesus: “Se alguém me ama, obedecerá à minha palavra. Meu Pai o amará, nós viremos a ele e faremos morada nele. 24 Aquele que não me ama não obedece às minhas palavras. Estas palavras que vocês estão ouvindo não são minhas; são de meu Pai que me enviou.

25“Tudo isso tenho dito enquanto ainda estou com vocês. 26 Mas o Conselheiro, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, ensinará a vocês todas as coisas e fará vocês lembrarem tudo o que eu disse. 27 Deixo a paz a vocês; a minha paz dou a vocês. Não a dou como o mundo a dá. Não se perturbe o seu coração, nem tenham medo.

28“Vocês me ouviram dizer: Vou, mas volto para vocês. Se vocês me amassem, ficariam contentes porque vou para o Pai, pois o Pai é maior do que eu.

Deus te abençoe.

Para ouvir a gravação do culto, clique em play, no player abaixo!

Pr. Marcos Lino

Por Pr. Marcos Lino

Pastor responsável pela ministração do Louvor e integrante da liderança do ministério de Louvor e Adoração.